28 de jul de 2016

Mães argentinas fazem 'mamaço' após polícia proibir amamentação

Centenas de mulheres argentinas realizaram um "mamaço", em diversas cidades do país após duas policiais proibirem uma jovem de alimentar um recém-nascido em público. O protesto aconteceu em Mar del Plata, Rosario, Córdoba e Buenos Aires. De acordo com o G1, a proibição que motivou o protesto aconteceu no dia 12 de julho, em San Isidro, no norte do país, quando uma mãe retirou um dos seis da roupa para amamentar o filho de nove meses. Nesse momemto duas agentes da polícia se aproximaram e pediram os documentos de identificação da mulher. A imprensa argentina ressaltou que as policiais disseram que a mãe não poderia amamentar em locais públicos. A partir de uma denúncia feita pela mãe repreendida, outras mulheres organizaram grupos, combinaram a manifestação e foram às ruas . Apresentadoras de um telejornal da província de Río Negro chegaram a amamentar seus filhos ao vivo em adesão ao protesto. "É algo natural. Por que escondê-lo?", disse Angie López Fernández, a apresentadora do "Notícias 10".
Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :