1 de set de 2016

Dilma pede ao STF anulação de sessão do Senado que votou seu impeachment

A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) entrou com recurso no Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo anulação da sessão do Senado desta quarta-feira (31), em que foi votado seu afastamento definitivo da Presidência da República. A petista pede um novo julgamento de impeachment. A defesa de Dilma protocolou um mandado de segurança que está sob relatoria do ministro Teori Zavascki, de acordo com a Folha. O objetivo é declarar nulos artigos de uma lei que embasaram a acusação de que ele teria cometido crime de responsabilidade, o que motivou seu impeachment. Zavascki não tem prazo para anunciar sua decisão. (Bahia Notícias)
Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :