30 de nov de 2016

Buerarema: Assina Convênio em Edital do Novembro Negro

Foi assinado nesta sexta-feira (25 de novembro de 2016), em Salvador/BA, convênio para realização do Projeto Eco das Vozes do Povo Negro, encaminhado para a SEPROMI - Secretaria de Promoção da Igualdade Racial, do Estado da Bahia, por meio do Edital Novembro Negro. Em parceria inédita, o Instituto Macuco Jequitibá e mais (6) seis coletivos de trabalho ligados à Educação, Arte, Cultura e Religião, da cidade, trabalharão juntos no sentido de promover ações que fortaleçam os grupos culturais e que, principalmente, chame a atenção para os problemas que enfrentados como resultado do Preconceito Racial e de Gênero, assim como a valorização da cultura Africana. São eles: Coletivo Casa Flor, Coletivo Recantos de Macuco, Coletivo Macuco Rap, Grupo de Capoeira Raízes de Macuco, Associação das Costureiras e Associação Religiosa Terreiro Mãe Iemanjá.O projeto, proposto pelo Coletivo Casa Flor e abraçado pelos demais, visa debater sobre a consciência negra neste Território, por meio de oficinas temáticas sobre: Intolerância Religiosa, Violência Doméstica, Empoderamento e Autonomia Econômica para as Mulheres, O Extermínio da Juventude Negra, a Importância da Capoeira enquanto fortalecimento da Identidade Cultural e Racial. No encerramento do projeto será realizada a 2º edição da Batalha do Macuco, com poderosas rimas versando sobre o tema.O projeto estará espalhado pela cidade sendo realizado na Casa de Cultura Jonas & Pilar (Praça Domingos Cabral), no Terreiro Mãe Iemanjá (Rua Antônio Batista) e no Café Quintal Casa Flor (Jardim de Eurico).Em breve teremos mais informações sobre a programação!
Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :