2 de mai de 2017

8 ÔNIBUS E 2 CAMINHÕES INCENDIADOS NO RIO; 37 PESSOAS PRESAS

Pelo menos oito ônibus e dois caminhões foram incendiados, na manhã desta terça-feira (2), na região de Cordovil, Penha e Bonsucesso, e Duque de Caxias, na Baixada, em represália a uma operação policial nas favelas da Cidade Alta e Parada de Lucas, na Zona Norte do Rio. O município do Rio entrou em estágio de atenção por conta do ataque dos criminosos. De acordo com a PM, 37 suspeitos foram presos na Cidade Alta e 17 fuzis foram apreendidos. Segundo o major Ivaz Blaz, porta-voz da PM, as ações orquestradas visam mobilizar a polícia para estas regiões e abrir espaço para fuga dos bandidos que estão encurralados na Cidade Alta, após a tentativa de invasão. "Foram apreendidos 17 fuzis, o que não é uma situação normal em lugar nenhum do mundo", disse Blaz, porta-voz da PM, ressaltando que a corporação esta atuando para neutralizar os criminosos. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), três ônibus foram incendiados na Rodovia Washington Luiz (BR-040), em Duque de Caxias. Na Avenida Brasil, colocaram fogo em ônibus nas alturas da Penha, Cordovil, Vigário Geral e Bonsucesso, trechos interditados para o trânsito. Bombeiros controlaram as chamas e a CET-Rio atuam nas regiões. Helicópteros do Grupamento Aeromarítimo (GAM) da PM sobrevoam as vias afetadas e o Batalhão de Policiamento de Vias Expressas (BPVE) fazem o policiamento nas rodovias. O município do Rio entrou em Estágio de Atenção às 10h50 por conta dos ataques de criminosos. O Estágio de Atenção é o segundo nível em uma escala de três e significa que um ou mais incidentes impactam, no mínimo, uma região, provocando reflexos relevantes na mobilidade. A Avenida Brasil já apresentava problemas no trânsito por conta de interdições para obras do BRT Transbrasil. (JB)
Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :