31 de out de 2017

ILHÉUS: POLICIAL COMETE SUICÍDIO

 
O soldado PM Carlos Geovanne, 23 anos, cometeu suicídio, com um tiro na cabeça, na noite desta segunda feira (30), na 5ª travessa da avenida Princesa Isabel, em Ilhéus. Segundo informes preliminares, o policial, que é filho do músico Bebeto, vinha tendo atritos constantes com sua atual namorada. Ele já vinha, há algum tempo, dando sinais de desequilíbrio emocional. Apesar de morar em Ilhéus, Geovane, que estava somente há três anos na PM, era lotado na 61ª Cia de Policia Militar de Ubaitaba e trabalhava em Ibirapitanga. No Face, Geovanne deixou uma mensagem alegando ter tentando mudar e ter confiado em pessoas que não o ajudaram. “O que encobre as suas transgressões nunca prosperará, mas o que as confessa e deixa, alcançará misericórdia ( Provérbios 28:13)”. "Aos que me amam me perdoem se minha atitude pareça egoísta mas é a única forma que eu tive de encontrar saída para os meus problemas . O que eu tenho a falar é que nunca julguem uma pessoa depressiva e/ou uma pessoa com tendências suicidas, pois apesar de mórbida que for nossas decisões sabemos que a única forma de resolver (infelizmente) é assim .. eu não queria me matar , eu queria viver , mas tudo foi contrário a minha progressão em todas as áreas da minha vida , e aqui fica o meu adeus aqueles que gostaram de mim genuinamente , eu amo vocês , e tenham certeza que qualquer lugar que eu for é melhor que esse inferno que eu vivo... Adeus”
Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :