27 de fev de 2018

GOVERNO REMARCA LEILÃO DA EBAL QUE ACONTECERIA NESTA SEGUNDA-FEIRA


 
Previsto para aconteceu no início da próxima semana, o polêmico leilão da Empresa Baiana de Alimentos (Ebal), responsável pela administração direta das lojas da Cesta do Povo, que aconteceria nesta segunda-feira (26) foi remarcado para o dia 15 de março. De acordo com a assessoria de comunicação da secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado, pasta responsável pelo andamento o caso, a medida foi tomada pela comissão especial constituída para conduzir o processo de alienação da participação acionária.  O objetivo do remanejamento partiria do Governo do Estado e da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) para garantir aos interessados mais tempo para elaborar as propostas.  Desde quando assumiu o governo do Estado em 2015, o governador Rui Costa (PT) manifestou o desejo de proceder com o leilão ainda neste mandato. Na época, estimava-se o valor de pouco mais de R$ 40 milhões.  O leilão ocorrerá a partir das 9h, no auditória da SDE, no Centro Administrativo da Bahia, 4ª Avenida, nº 415. O Edital de licitação pode ser encontrado em www.sde.ba.gov.br . Em meado de julho do ano passado, a Associação Baiana de Trabalhadores da Ebal/Cesta do Povo (Abtec) divulgou que a empresa acumulava R$ 300 milhões em dívidas e a entidade foi a responsável pela protelação da primeira data do leilão, que aconteceria em 11/07/2017, visto processo movido que visava a readmissão dos 1.700 funcionários que foram demitidos.  No fim do ano passado, Justiça determinou em caráter imediato a reintegração de todos os empregados públicos desligados, ocorridas após a autorização de privatização da Cesta do Povo, de acordo com da lei estadual 13204/2014.
Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :