18 de out de 2017

COSTUREIRA DE 67 ANOS RELATA ANGÚSTIA AO DESCOBRIR HIV: ‘NÃO PENSEI NA CAMISINHA’

 A costureira Maria Rita Alves Lemes, de Ribeirão Preto (Foto: Reprodução/EPTV)
Até pouco tempo atrás, a costureira Maria Rita Alves Lemes, de Ribeirão Preto (SP), considerava ter chegado à fase mais tranquila de sua vida. Mas, aos 67 anos, com três filhos e divorciada, o que ela menos imaginou foi ser diagnosticada com HIV na terceira idade. “Não tive cuidado, porque não pensei na camisinha. Quem tinha talvez nem sabia que tinha”, conta. O alerta de Maria Rita se traduz nos números da transmissão do vírus da Aids entre idosos. Os casos subiram 60,6% em São Paulo entre 2007 e 2015. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, a incidência subiu de 3,3 para 5,3 casos para cada cem mil habitantes nesse período.  Uma estatística que encontra explicação num traço de comportamento comum entre os mais velhos que exaustivamente gera alerta entre as autoridades médicas: a falta do preservativo na relação sexual, de acordo com a coordenadora do Programa DST/Aids de Ribeirão Preto, Lis Neves.
Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :