23 de fev de 2019

50% DAS PREFEITURAS BAIANAS NÃO SÃO CONSIDERADAS BOAS PAGADORAS

Mais de 50% das prefeituras baianas são consideradas pela Secretaria do Tesouro Nacional como incapazes de honrar dívidas e estão proibidas de receber garantias da União para contratação de empréstimos.Dos 417 municípios baianos, 215 foram classificados pelo Tesouro com a nota C na tabela sobre Capacidade de Pagamento (Capag) e são consideradas más pagadoras. Na outra ponta, apenas 58 têm notas A ou B. Outros 144 estão sem classificação porque não atualizaram informações junto ao Tesouro.Entre os 20 maiores municípios do estado, 11 são considerados maus pagadores, dentre eles, Vitória da Conquista, Itabuna, Juazeiro e Teixeira de Freitas. A lista inclui ainda Barreiras, Porto Seguro, Simões Filho, Eunápolis, Valença e Candeias.Já a relação de bons pagadores é encabeçada por Feira de Santana, Camaçari e Jequié, com nota A. Na sequência, vêm Salvador, Lauro de Freitas, Ilhéus, Alagoinhas, Paulo Afonso e Guanambi, com a nota B.
Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :