28 de ago. de 2020

MÃE MORRE APÓS FICAR NA FRENTE DO FILHO PARA PROTEGÊ-LO DE TIROTEIO NO RIO DE JANEIRO

 

Uma mulher morreu na noite da última quarta-feira (26), no Rio de Janeiro, após se colocar na frente de uma troca de tiros entre traficantes para proteger o filho de três anos. De acordo com o G1, a vítima é Ana Cristina da Silva. Ela estava indo para o bar no qual trabalhava no bairro do Catumbi, na zona norte do Rio, quando aconteceu a troca de tiros entre bandidos que brigam pelo comando no Complexo de São Carlos. “Ela se curvou por cima do meu sobrinho pequeno para ele não tomar os tiros e ela tomou dois tiros”, disse a cunhada de Ana Cristina, Vânia Brito, que também indicou que Ana Cristina foi atingida por um tiro de fuzil no rosto e outro no peito. A vítima chegou a ser socorrida e levada para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos. O filho dela não se feriu. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o tiroteio impediu que Ana Cristina fosse socorrida, já que a em que ocorreu o confronto é vias que dá acesso ao Morro São Carlos, no Estácio. Além de Ana Cristina, outras quatro pessoas ficaram feridas no tiroteio que se arrastou por toda a madrugada desta quinta-feira (27) - um morador do Complexo do Alemão, um suspeito, um policial do batalhão de choque e um porteiro baleados.
Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :