11 de dez. de 2020

BARRO PRETO: A VIOLÊNCIA NÂO PARA IRMÃS FORAM FUZILADAS

 

A violência não para na região cacaueira e, na tarde desta quinta-feira (10), por volta das 17 horas, mais um pessoa era executada e outra baleada na pequena Barro Preto. O crime foi no centro da cidade, em um bar próximo ao Mercadão. Atiradores chegaram em um veículo Pálio de cor preta. Um ocupante desceu e descarregou uma pistola em duas irmãs -uma morreu na hora, a outra foi atingida e socorrida ao hospital local e, em seguida ao Hospital de Base de Itabuna. Não se sabe o estado de saúde dela. A mulher morta foi inicialmente identificada como Loira do Bar (foto). Os assassinos fugiram tomando rumo ignorado. O DPT foi acionado para o local do crime. A cidade de Barro Preto é dominada pela facção criminosa DMP, de Itabuna e, não se sabe a motivação para o crime: se guerra do tráfico de drogas ou um possível caso de feminicídio, esse é o 6° crime de 2020 na cidade. Já a 6ª Coorpin chega a 174 assassinatos no ano.

Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :