2 de mai. de 2022

PACHECO DIZ QUE ATOS QUE PEDEM FECHAMENTO DO STF SÃO ‘ILEGÍTIMOS’

 

Rodrigo Pacheco – Presidente do Senado

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), disse neste domingo (1º) que “manifestações populares são expressão da vitalidade da Democracia”, mas que aquelas que pedem “intervenção militar e fechamento do STF” são “ilegítimas e antidemocráticas” e configuram “anomalias graves que não cabem em tempo algum”. Pacheco publicou a declaração em suas redes sociais após os atos que aconteceram neste domingo (1º) em comemoração ao 1º de maio, Dia do Trabalho, e que levaram às ruas apoiadores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o atual presidente Jair Bolsonaro (PL)”Manifestações populares são expressão da vitalidade da Democracia. Um direito sagrado, que não pode ser frustrado, agrade ou não as instituições. O 1º de maio sempre foi marcado por posições e reivindicações dos trabalhadores brasileiros. Isso serve ao Congresso, para a sua melhor reflexão e tomada de decisões. Mas manifestações ilegítimas e antidemocráticas, como as de intervenção militar e fechamento do STF, além de pretenderem ofuscar a essência da data, são anomalias graves que não cabem em tempo algum”, disse o presidente do Senado.

Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :