13 de mai de 2017

BUERAREMA: MAIS UMA FASE DO PROJETO BAHIA PRODUTIVA É REALIZADA

 
Objetivando avaliar os projetos das associações de pequenos agricultores do município submetidos no Bahia Produtiva, Edital 009/2017 – Fruticultura do cacau, a Secretaria de Agricultura de Buerarema, representada pelo diretor de agricultura, Jorge Moura e acompanhado pelo técnico de desenvolvimento territorial da Companhia de Ação Regional-CAR, Anderson Franciscone, realizou nesta sexta- feira, dia 12, visita a Associação dos Pequenos Agricultores do Ribeirão do Ronca-ASPRON e a Associação dos Pequenos Agricultores Unidos dos Sul da Bahia-ASPRUB.O edital encontra-se na terceira das quatro fases de avaliação, quando serão reconhecidas as entidades melhor pontuadas. A data prevista para conhecer as entidades selecionadas é 30 de maio. Adailton, da comunidade de Ribeirão dos Facões, está otimista com a seleção, e conta que a associação tem se organizado desde sua criação para acessar projetos que garantam a sustentabilidade da entidade.Anderson e Jorge foram recebidos por mais de 50 representantes da Associação do Ribeirão do Ronca. De acordo com presidente dessa associação, Manoel Domingos, esse projeto, se aprovado, será de muito valor para fortalecer ainda mais a agricultura na região, e chegará pra complementar ações importantes como o Programa Nacional da Alimentação Escolar-PNAE e o Programa de Aquisição de Alimentos-PAA, que hoje possuem gastos significativos com logística.O diretor de agricultura, Jorge Moura, reafirmou o compromisso do Prefeito Vinícius Ibrann em fortalecer a agricultura familiar do município. "A Secretaria de Agricultura está a disposição de todos no meio rural para dar suporte na elaboração dos projetos necessários para desenvolver as comunidades rurais, além de outras atividade que visem a melhoria da qualidade de vida do homem do campo". Ele também ressaltou o empenho do Secretário de Agricultura, Silvio Nascimento (Careca), em consolidar os trabalhos de assistência técnica rural em Buerarema juntamente com a CAR, Bahiater e outros órgãos.Além destas associações também estão nesta fase do edital a Associação dos Pequenos Produtores do Alto da Mangueira e a Associação dos Pequenos Produtores do Ribeirão do Carmo, as quais estão demandando equipamentos para melhoria de vida dos agricultores através da tecnificação em campo aumentando assim a área cultivada e rendimento.
Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :