29 de jan. de 2022

BAHIA TEVE 188 PESSOAS RESGATADAS DE TRABALHO ANÁLOGO AO ESCRAVO EM 2021

 

É o maior número nos últimos sete anos

A Bahia registrou, em 2021, o maior número de trabalhadores resgatados de trabalho análogo ao escravo nos últimos 7 anos: 188 pessoas foram resgatadas em todo o estado. Os dados são da Comissão Estadual de Erradicação do Trabalho Escravo da Bahia (Coetrae/BA), coordenada pelo Governo do Estado. Os resgastes ocorreram nos municípios de Salvador, Xique-Xique, Conceição do Coité, Feira de Santana, Canavieiras e Aracatu. A comissão, que tem à frente da coordenação a Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Bahia (SJDHDS), atua no enfrentamento e acolhimento das vítimas, por meio de trabalho integrado com diversos órgãos estaduais e federais. O número de trabalhadores resgatados só não é maior do que o registrado em 2015, quando 339 pessoas foram salvas em operações da Coetrae/BA. No período de 2012 a 2021, 1.056 trabalhadores foram atendidos pela comissão. (Pimenta)

Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :