1 de mar. de 2022

CONTA DE LUZ PARA BAIXA RENDA TERÁ BANDEIRA VERDE EM MARÇO

 

Foto: Divulgação

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) anunciou na última sexta-feira (25) que os consumidores de baixa renda cadastrados para receber o benefício da tarifa social continuarão pagando a bandeira verde em março. Nela, não há acréscimos sobre a tarifa da energia. Os demais consumidores continuam pagando a bandeira de escassez hídrica, a mais cara de todas, que acrescenta R$ 14,20 a cada 100 kWh (quilowatts-hora) consumidos. Essa bandeira foi instituída em setembro do ano passado, por causa da estiagem que atingiu reservatórios de hidrelétricas pelo país. A tarifa de escassez hídrica fica em vigor até abril. A bandeira verde, normalmente utilizada em períodos de condições favoráveis para geração de energia, começou a ser atribuída a quem recebe a tarifa social em dezembro de 2021. Antes disso, esses consumidores pagavam a tarifa amarela. A mudança representou uma diminuição de R$ 1,87 para cada 100 kWh gastos. Podem se beneficiar da tarifa social as famílias que estejam inseridas no CadÚnico, do governo federal, e tenham renda por pessoa de até meio salário mínimo por mês (R$ 606). (Folha)

Postagem Anterior
Próxima Postagem

0 comentários :